Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Panterices

A vida é mais feliz com gatos!

Panterices

A vida é mais feliz com gatos!

Dia Mundial do gato

A primeira vez que estive na Foz do Arelho, foi em 2007. No primeiro passeio pela Avenida do Mar vi uma escultura com um gato à janela. A obra completa, em pedra calcária, era composta pela janela com o gato e uma mesa decorada com um prato de romãs e dois bancos.

 

Numa pesquisa na net descobri que se chama “Still life with pomegranates”, foi realizada em 1998 pelos escultores israelitas Varda Guivooly e Ilan Gelber durante o 7º Simpósio de Escultura em Pedra.

 

Por ser feita em calcário e por causa da humidade do mar encontra-se bastante gasta, li na "Gazeta das Caldas" num artigo de 2016 que a escultura vai ser retirada. 

gato foz do arelho.jpg

 

É pena...não sei se foi essa a intenção dos autores, mas é uma bonita homenagem aos gatos domésticos e mimalhos, como a minha, que adoram uma janela.

 

Neste dia mundial do gato recordo esta bonita escultura.

 

Nota: A Isa diz que esteve à um mês na Foz do Arelho, retiraram a mesa e os bancos, o gato continua lá a ver a praia do mar pela sua janela :)

  

Nandinho

O Nandinho foi um gato europeu comum, amado e acarinhado que vivia no Campus da Justiça de Lisboa. 

 

Morava na recepção do DIAP, junto ao funcionário da segurança, meio escondido. Passou a ter uma cama como devia ser”

 

"Se havia coisa de que gostava, era de acompanhar as rondas dos polícias ao final do dia, como se tivesse nascido cão."  (oh...fofinho!)

 

"Havia advogados que quando iam consultar os intrincados processos à nona secção levavam uma guloseima ao bichano."

 

As história de gatos são assim, mágicas! O texto de pode ser lido aqui.

 

Foi visto pela última vez algures no ano de 2016 e a prova do carinho dos humanos por este gato, é que ainda hoje vive na página do DIAP da comarca de Lisboa.

 

nandinho.jpg